quinta-feira, 14 de julho de 2011

Re(viva) a história - Visite o memorial do Trem

      No dia 19 de junho, no Centro de Cultura jornalista Francisco José Frantz, ocorre o lançamento do Memorial do Trem, acompanhado de apresentações culturais, homenagens e uma exposição da artista Mara Garske. Rua Ernesto Alves, prox Fórum, Santa Cruz do Sul.




Sobre o Memorial do Trem.....

     Em 2011 o Centro de Cultura Jornalista Francisco Frantz completa 106 anos de existência, mais precisamente no dia 19 de novembro, quando da inauguração da Estação Ferroviária de Santa Cruz, ligando por trilhos de trem, o Município à Estação de Couto (depois Ramiz Galvão). A maior da parte da história deste prédio, com seu entorno, está ligada ao transporte ferroviário, depois celebrando nas suas entranhas a história patrimonial, cultural e social do povo desta terra. Por outro lado, o Centro de Cultura não possuía um único espaço, foto ou elemento visual que remetesse à história do trem, surgindo a necessidade de se fazer um Memorial do Trem.
   O Memorial do Trem é um espaço criado dentro do Centro de Cultura e que traz uma réplica de um dos trens que percorreram os trilhos da Estação Ferroviária de Santa Cruz, fotos históricas da inauguração, máquinas e episódios ligados ao período em que a estação esteve em uso, réplicas do maquinista e do Centro de Cultura, etc., enfim, um acervo documental e material que torna visível que aquele espaço um dia foi uma Estação Ferroviária (trilhos, dependências para guardar bagagens, para entregar/comprar bilhetes de passagens, etc.).
   O Memorial do Trem é um recorte histórico de uma Santa Cruz que fez parte da rede ferroviária do Estado do Rio Grande do Sul, tornando possível, de modo especial aos que não viveram este período, uma melhor e qualificada compreensão dos fatos e épocas que nos fizeram o que somos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário